9.26.2016

O RITUAL DA LEITURA




O RITUAL DA LEITURA 


Regressar é rever-te (mentalmente), 
Eterno retorno feito ritual, 
Repetição de instante eficiente
Pra que se repita também o real
Cotodiano (sagrado) docemente
Inspirado na Poesia e Ideal, 
Em rotina que alia o crer da gente
Ao querer que a tornará assim plural… 

Os dias são as montras dos sentidos
Tidos e somados que a nossa alma tem, 
Sendo nesse calendário vertidos
Aonde o sol só do coração nos vem. 
E vindo, põe-nos o ser amado tão perto
Que o mundo se faz um livro aberto!

Joaquim Maria Castanho

Sem comentários:

La vida es un tango y el que no baila es un tonto

La vida es un tango y el que no baila es un tonto
Dos calhaus da memória ao empedernido dos tempos

Onde a liquidez da água livre

Onde a liquidez da água livre
Também pode alcançar o céu

Arquivo do blogue