2.28.2004

Na sessão de 16 de Março, teremos também um momento multimédia com poemas lidos pela voz do poeta portalegrense, falecido em Agosto do ano passado, José Martins dos Santos Conde, se, conforme está combinado, a família nos disponibilizar o CD.

2.26.2004

Durante esta semana entrou-se em contacto com alguns poetas de Portalegre que garantiram a sua presença. Não se diz o nome de cada um, não para manter suspense ou segredo, mas apenas porque se lhe não pediu autorização para o fazer. Até lá

2.21.2004

Afinal, a próxima sessão da Comunidade de Leitores não decorrerá durante a semana da poesia mas sim uma semana antes, no dia 16, terça-feira, pelas 17,30 horas. O tema, como já se sabe, continuará a ser CLUBE DOS POETAS VIVOS e terá como prato forte a presença de alguns poetas portalegrenses.

2.13.2004

Das próximas sessões da Comunidade de Leitores apenas se sabe que a primeira acontecerá durante a semana da poesia subordinada ao tema CLUBE DOS POETAS VIVOS e terá como protagonistas diversos poetas portalegrenses, com ou sem livros publicados. A segunda, será à volta de uma figura das letras bastante esquecida, que nasceu em Alegrete, viveu a maior parte da vida no Porto, e foi casada com Abel Santos, pintor e professor de renome no velho regime: ISAURA CORREIA DOS SANTOS. Do que mais houver se dará conta atempadamente

2.05.2004

Os cartazes já estão na rua, com imagens retiradas ao Principezinho e tonalidades azuis. Não ficou feito com o tempo de antecedência que seria preferível, mas ainda chegou a tempo. Tudo quanto se pede é reconhecer que a literatura infantil nos garante que se começarmos a vida com boas histórias, as demais que a vida nos reserva jamais lhe conseguirão subtrair o valor e o arrebatamento. Há quem leve livros dos mais incomuns!... Eu descobri O PÁSSARO AZUL, de Leyguarda Ferreira, editado em 1966, pela Romano Torres. Haverá outras iguarias? De certeza que sim!...

La vida es un tango y el que no baila es un tonto

La vida es un tango y el que no baila es un tonto
Dos calhaus da memória ao empedernido dos tempos

Onde a liquidez da água livre

Onde a liquidez da água livre
Também pode alcançar o céu

Arquivo do blogue